Sem categoria

Os packs e atividade física

packOs suplementos alimentares são bastante vinculados com o exercício físico e com a promoção da saúde. Dentre eles, destaca-se um tipo de suplemento conhecido como Packs. Mas o que são os Packs? Quais são os objetivos do uso desses produtos?

O que são?

Para começar, os Packs têm esse nome por serem produtos compostos por várias substâncias incluídas numa dose pré-determinada – geralmente dentro de um “pacote” – na forma de cápsulas e tabletes, apesar de existirem também na forma de pó. Podem ser definidos como produtos que visam aumentar o desempenho físico e a disposição de uma forma geral. Dentre os ingredientes estão vitaminas, minerais, aminoácidos, complexos antioxidantes, entre outros, variando bastante a concentração de acordo com a marca e o produto. Podem ainda ser divididos em duas categorias de acordo com sua formulação: os Packs que contêm apenas vitaminas, minerais, antioxidantes, enzimas digestivas e aminoácidos em pequena quantidade; e os Packs que além de possuírem tais ingredientes, possuem também substâncias como a cafeína, o aminoácido L-arginina em boa quantidade, e fatores pró-hormonais.

Tipos

O objetivo de cada Pack vai depender diretamente da formulação de seus ingredientes. Logo, ao contrário do que muitos praticantes de atividade física – principalmente os adeptos da musculação – pensam, certos Packs não visam o aumento de massa muscular de forma direta. Aqueles compostos basicamente de vitaminas e minerais visam apenas suprir a necessidade desses micronutrientes para o funcionamento perfeito do organismo. Muitos, inclusive, oferecem doses vitamínicas e minerais extremamente altas, ultrapassando a nossa necessidade diária em até 10.000%. Entretanto, na literatura científica, superdoses de vitaminas e minerais não são comprovadas em aumentar o desempenho em indivíduos que não possuem deficiência desses micronutrientes. A justificativa desses Packs “super-vitaminados” é de que atletas de alto desempenho cujo treinamento é muito exigente necessitam de um aporte maior de vitaminas e minerais do que o recomendado para a população em geral. Nesse caso, a presença de complexos antioxidantes é muito boa, devido ao estresse oxidativo aumentado nesses atletas.

Os outros Packs que incluem cafeína, L-arginina e fatores pró-hormonais têm ação direta na hipertrofia muscular. Eles devem ser consumidos antes do treino, objetivando a ação estimulante da cafeína e a ação vasodilatadora da L-arginina que produz óxido nítrico (NO). Os pró-hormonais geralmente são consumidos antes do sono, por aumentarem a liberação de hormônios anabólicos, como o hormônio do crescimento (GH).

Efeitos adversos                                                

Os Packs podem ser usados por homens e mulheres, mas são capazes de gerar alguns efeitos adversos. Aqueles voltados para o fornecimento de vitaminas e minerais podem causar hipervitaminose, principalmente pelas vitaminas A, D, E e K. Já aqueles que incluem cafeína não devem ser consumidos por pessoas que possuem pressão alta, problemas cardiovasculares, gastrite, úlcera, depressão e ansiedade. A L-arginina não deve ser consumida por indivíduos com pressão baixa.

Logo, deve-se ter cuidado ao usar indiscriminadamente esses produtos. O mais recomendado é consultar um nutricionista que avaliará a real necessidade e a segurança do uso desse tipo de suplemento.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.