Sem categoria

Como elevar os níveis naturais de testosterona?

A testosterona é um hormônio esteróide produzido tanto nos homens quanto nas mulheres. Principal andrógeno da circulação é responsável pelo desenvolvimento e manutenção das características sexuais masculinas e do estado anabólico de tecidos.
A testosterona é secretada durante três épocas da vida: 1) no primeiro trimestre da vida intra-uterina; 2) na vida neonatal e 3) continuamente após a puberdade. Após os 40 anos, os níveis de testosterona decrescem cerca de 1% por ano, tornando-se mais aparente depois dos 50 anos. Por conta dessa diminuição hormonal alguns sintomas podem ser observados, incluindo o aumento da proporção de gordura corporal, alterações no perfil lipídico no sangue, diminuição da massa muscular, tendência à osteoporose, sudorese, diminuição da libido, dificuldade de ereção, dificuldade de concentração, problemas de memória, fadiga, apatia, desencorajamento, ansiedade, depressão, queda de pêlos, irritabilidade, insônia e diminuição da sensação de bem-estar.
Por esses motivos que, atualmente, a procura por estratégias e produtos que proporcionem um aumento natural dos níveis de testosterona está cada vez maior.
Alguns fatores devem ser prevenidos para evitar que os níveis de tetosterona diminuam, por exemplo: Obesidade, a gordura excessiva aumenta a produção de estrogéneo, excesso de estrogéneo no sangue diminui os níveis de testosterona; Uso excessivo de álcool: O álcool inibe a remoção natural de estrogéneo do sangue por ação estressante do sistema nervoso central e pela diminuição dos níveis de zinco; Medicamentos: Alguns medicamentos diminuem os níveis do hormônio luteinizante (LH); Hipertensão e Dislipidemia: Ambos podem diminuir a fluidez da circulação sanguinea, dessa forma diminue a chegada de sangue aos órgãos de produção de hormônios sexuais, afetando essa produção.
A utilização de produtos como ZMA, fórmula patenteada de minerais contendo uma combinação de zinco e magnésio além de vitamina B6; e Tribulus terrestris, planta herbácea rasteira, pertencente á família das Zigofiláceas. Ambos estão relacionados com o aumento natural dos níveis de testosterona, podendo ser utilizado por homens e mulheres, sem preocupação de efeitos colaterais.
testosteronaA testosterona é um hormônio esteróide produzido tanto nos homens quanto nas mulheres. Principal andrógeno da circulação é responsável pelo desenvolvimento e manutenção das características sexuais masculinas e do estado anabólico de tecidos.
 
A testosterona é secretada durante três épocas da vida: 1) no primeiro trimestre da vida intra-uterina; 2) na vida neonatal e 3) continuamente após a puberdade. Após os 40 anos, os níveis de testosterona decrescem cerca de 1% por ano, tornando-se mais aparente depois dos 50 anos. Por conta dessa diminuição hormonal alguns sintomas podem ser observados, incluindo o aumento da proporção de gordura corporal, alterações no perfil lipídico no sangue, diminuição da massa muscular, tendência à osteoporose, sudorese, diminuição da libido, dificuldade de ereção, dificuldade de concentração, problemas de memória, fadiga, apatia, desencorajamento, ansiedade, depressão, queda de pêlos, irritabilidade, insônia e diminuição da sensação de bem-estar.
Por esses motivos que, atualmente, a procura por estratégias e produtos que proporcionem um aumento natural dos níveis de testosterona está cada vez maior.
 
Alguns fatores devem ser prevenidos para evitar que os níveis de tetosterona diminuam, por exemplo: Obesidade, a gordura excessiva aumenta a produção de estrogéneo, excesso de estrogéneo no sangue diminui os níveis de testosterona; Uso excessivo de álcool: O álcool inibe a remoção natural de estrogéneo do sangue por ação estressante do sistema nervoso central e pela diminuição dos níveis de zinco; Medicamentos: Alguns medicamentos diminuem os níveis do hormônio luteinizante (LH); Hipertensão e Dislipidemia: Ambos podem diminuir a fluidez da circulação sanguinea reduzindo a chegada de sangue aos órgãos de produção de hormônios sexuais, afetando negativamente este processo.
 
A utilização de produtos como ZMA, fórmula patenteada de minerais contendo uma combinação de zinco e magnésio além de vitamina B6; e Tribulus terrestris, planta herbácea rasteira pertencente á família das Zigofiláceas, estão relacionadas com o aumento natural dos níveis de testosterona. Tais recursos podem ser utilizados por homens e mulheres, sem preocupação de efeitos colaterais.
 

Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail       nutricao@sncsalvador.com.br      .

Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.

Curta a nossa página no Facebook e não perca nenhuma notícia e/ou promoção

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.