Sem categoria

Óleo de cártamo e Cerveja: há algum risco?

crevejaO óleo de cártamo é um suplemento nutricional muito popular atualmente. Sua função reside no aumento da quebra de gordura e consequente diminuição do estoque de gordura corporal. Em termos de efeitos, o que se nota é uma redução de medidas, principalmente na gordura visceral, que fica na região abdominal.

Em contraste a isso, há o fenômeno da famosa “barriguinha de chop”, que acompanha aqueles que gostam de uma boa cervejinha. Esta famosa “barriguinha” é fruto de um acúmulo de gordura visceral acima do normal, por isso aquele aspecto de barriga dura, inchada, diferente de uma barriga com excesso de tecido adiposo subcutâneo (aquele que fica entre a pele e o músculo) que aparenta flacidez.

Pessoas que usam suplementos alimentares geralmente se preocupam com a ingestão de bebidas alcoólicas, com dúvidas se é permitido o consumo em conjunto ou se um interfere na ação do outro. As bebidas alcoólicas não possuem nenhuma interação negativa com os suplementos, mas não combinam com o perfil de um indivíduo que busca no suplemento a saúde. Com o óleo de cártamo não é diferente, mas um ponto positivo é destacado no uso do óleo de cártamo para quem gosta de beber cerveja.

Como o consumo de cerveja acarreta acúmulo de gordura visceral e o óleo de cártamo atua combatendo o acúmulo dessa gordura e promovendo a quebra desta para ser usada como energia, este tipo de suplemento pode até ajudar na redução da “barriguinha de chop” de quem é assíduo na cerveja.

Sendo assim, além de não haver problemas em ingerir o óleo de cártamo e fazer uso de bebidas alcoólicas, pode-se combater o acúmulo de gordura proporcionado pela cerveja. Porém, é importante ressaltar que o acúmulo de gordura não é o único malefício da ingestão de bebidas alcoólicas, mesmo para quem usa qualquer suplemento. Por isso não abusem da ingestão de álcool!

 

Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail       nutricao@sncsalvador.com.br      .

Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.

Curta a nossa página no Facebook e não perca nenhuma notícia e/ou promoção

23 comentário

ney costa 8 de outubro de 2015 at 04:11

posso ingerir bebida alcoolica e óleo de cartamo no mesmo dia?não vai forçar o fígado a trabalhar muito?importante a resposta..obrigado

Responder
Thiago 8 de outubro de 2015 at 13:59

posso ingerir bebida alcoolica e óleo de cartamo no mesmo dia?não vai forçar o fígado a trabalhar muito?

Responder
Lara Cerqueira 8 de outubro de 2015 at 15:55

Olá, Ney e Thiago.
O consumo de bebidas alcoólicas junto a outras substâncias pode levar a potencialização ou inibição dos efeitos da maioria dos recursos terapêuticos. Não achamos viável esse tipo de combinação de maneira concomitante. Mas caso o consumo seja feito em momentos distantes durante o dia, a interação pode não acontecer. O mais viável para quem busca qualidade de vida e saúde é abdicar dos excessos.

Estamos a disposição para maiores esclarecimentos.

Responder
Camila 10 de maio de 2016 at 12:04

Bom dia, comecei a tomar o cartamos a duas semanas, tenho sentido minha barriga inchada na parte inferior sabe? Eu faço atividade fisica todos dos dias. Senti tambem uma dificuldade para evacuar…. Esses sintomas podem ser do cartamo?

Responder
Lara Cerqueira 10 de maio de 2016 at 17:09

Olá, Camila.
Algumas pessoas podem verdadeiramente sentir desconforto gastrointestinal, assim como você referiu. O ideal é suspender o tratamento com óleo de cártamo e observar se os sintomas reduziram. É sempre importante o acompanhamento médico e nutricional para melhor avaliar a necessidade do seu organismo.

Melhoras!
Estamos a disposição para maiores esclarecimentos.

Responder
flavia 15 de maio de 2016 at 22:42

olá gostaria de saber se posso tomar óleo de cartamo estou amamentando minha bb tem 4 meses

Responder
Lara Cerqueira 16 de maio de 2016 at 17:18

Olá, Flavia.
Não há evidência científica de seguridade no consumo de óleo de cártamo no período de amamentação. Este é um período onde devemos ter precaução com a oferta de alguns nutracêuticos, pois todo nutriente ingerido podem ser atribuído ao leite materno. É melhor evitar o consumo enquanto estiver amamentando. Uma alternativa de suplementação de óleo, seria o óleo de peixe com a oferta de ômega 3, este sim, pode ser consumido, até mesmo em benefício a qualidade do leite materno.

Estamos a disposição para maiores esclarecimentos.

Responder
Jane Prochnow 11 de novembro de 2016 at 11:17

Olá! Já consumo diariamente o óleo de prímula. Poderia utilizá-los em conjunto?

Responder
VITORIA MELO 30 de novembro de 2016 at 11:41

Olá Jane, obrigada pelo contato. Não há nenhum problema no uso de óleo de prímula e cártamo juntos, o ideal é que você consuma em horários distintos do dia para um melhor aproveitamento de todos os nutrientes.
Estamos disponíveis para maiores esclarecimentos.

Responder
Natalia do nascimento 18 de dezembro de 2016 at 12:43

Comecei usar óleo de cartamo Tha com 4 dias resultados deve aparecer com quantos dias??

Responder
VITORIA MELO 19 de dezembro de 2016 at 09:53

Olá Natália, apesar dos resultados variarem de acordo com a individualidade de cada organismo, estes costumam ser visíveis após o primeiro mês de uso. É importante que esteja utilizando da forma adequada, associado a uma alimentação saudável, bem como a prática de exercício físico para que os resultados sejam potencializados.

Responder
Ana Flávia Santos Linhares 20 de janeiro de 2017 at 19:54

Gostaria de saber se eu tenho que tomar óleo de cartamo e ômega 3 juntos ? ou posso consumir somente o óleo de cartamo ? Pois eu li que se consumisse somente o óleo de cartamo sem o ômega 3 teria um desequilíbrio no meu organismo.

Responder
VITORIA MELO 6 de fevereiro de 2017 at 09:01

Olá Ana Flávia, obrigada pelo contato. É interessante a associação do óleo de cártamo com o ômega 3, pois o ôemga 3 é um anti-inflamatório que facilitará a mobilização da gordura pelo óleo de cártamo, além disso o ômega 3 é um protetor hepático que evitará que a gordura mobilizada pelo cártamo se acumule no fígado. A associação dos dois lhe trará maiores benefícios.

Responder
Aparecido Donizetti da silva 10 de março de 2017 at 11:17

Posso tomar os dois juntos no mesmo orario

Responder
VITORIA MELO 23 de março de 2017 at 11:35

Olá Aparecido, não é o ideal, o mais indicado é que você utilize o óleo de cártamo acompanhado da ingestão de água em um outro momento.

Responder
Marina 4 de junho de 2017 at 10:06

Posso tomar o oleo de Cartamo e sibutramina?

Responder
Jannine Dantas 6 de junho de 2017 at 13:57

Olá, Mariana!

A equipe de Nutrição da SNC Salvador agradece pelo feedback. Esses dois produtos não geram interação entre si, no entanto por se tratar de uma terapia medicamentosa o mais aconselhável é que você procure orientação do médico prescritor para maiores indicações sobre esse uso associado. Estamos a disposição para maiores esclarecimentos.

Responder
Iris Gomes da Silva 17 de junho de 2017 at 15:13

Estou tomando a uma semana, o óleo de cartão eu tenho ipotiroidismo tem algum problema? Consumo o puran tem algumes problema? Poderia mim responder por favor!

Responder
Lara Cerqueira 4 de dezembro de 2017 at 14:29

Olá, Iris
Não há contra-indicação, mas veja a possibilidade de realizar acompanhamento nutricional para adequar suas especificidades e ter sucesso do objetivo.
Estamos a disposição!

Responder
Jacqueline 6 de fevereiro de 2018 at 19:33

Tive um problema de alopecia areata, que fez meu cabelo cair. Fiz tratamento e ele está voltando a crescer. posso tomar óleo de cártamo ou e melhor esperar mais ? O óleo de cártamo pode fazer meu cabelo cair denovo ?

Responder
Lara Cerqueira 16 de fevereiro de 2018 at 11:53

Olá, Jacqueline.
Não há evidências literárias que direcionem o consumo de óleo de cártamo com queda de cabelo.

Estamos a disposição para maiores esclarecimentos!

Responder
Ronaldo 7 de março de 2018 at 08:42

Oi bom dia, depois q comecei a tomar o óleo de cártamo estou dificuldade de evacuar, pode ser efeitos do mesmo

Responder
Lara Cerqueira 12 de março de 2018 at 10:53

Olá, Ronaldo.
Não há relatos na literatura deste efeito do Óleo de cártamo, mas pode ser uma reação individual. O ideal é que busque o auxílio de um nutricionista para investigar a real causa da obstipação, que pode ser reduzida através de inúmeras estratégias nutricionais, inclusive suplementos a base de probióticos.
Estamos a disposição.

Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.