Bloqueadores de gorduras

Bloqueadores1Desde 2003 a OMS vem apontando para uma maior prevalência global de obesidade do que de subnutrição, sendo esses valores diretamente proporcionais ao nível de desenvolvimento de cada país em questão. Essa situação se refletiu diretamente na prevalência de doenças crônicas não transmissíveis como as doenças cardiovasculares, diabetes e hipertensão arterial. Os fatores que contribuíram diretamente para tal quadro são as mudanças na alimentação e o aumento da comodidade trazida pela modernidade que favorece o sedentarismo e a redução da prática de atividade física.

Como alternativas a esse problema estão as intervenções dietéticas, a prática regular de atividade física, além de alguns suplementos que tem como objetivo reduzir a quantidade de gorduras absorvida pelo trato gastrointestinal a fim de evitar o acúmulo, adiposidade e possível sobrepeso e obesidade decorrente dessa grande quantidade de lipídeos oriundos da absorção alimentar.

A substância responsável por essa ação é a quitosana, que é um tipo de fibra de origem animal formada a partir da quitina que é um polímero que integra os exoesqueletos de artrópodes, como as carapaças de caranguejos e cascas de camarões. Tais substâncias possuem diversas aplicações desde muito tempo sendo utilizadas na antiguidade no oriente como um remédio para cicatrizar queimaduras e curar feridas, com a evolução de pesquisas a quitosana é aplicada na área farmacêutica relacionada a novas tecnologias de medicamentos de liberação gradual e no Japão já é incorporada a tratamentos inovadores de queimaduras, onde é matéria prima de peles artificiais que aceleram a cicatrização de queimaduras desde as mais superficiais as de terceiro grau.

A relação da quitosana e do bloqueio da absorção de gordura começa no estômago, pois quando em contato com o ácido essa fibra forma um gel que tem carga positiva, e, em contato com os ácidos graxos e sais biliares formam um agregado que segue para o intestino, onde se torna insolúvel não podendo ser digerido e absorvido.

Autores afirmam que uma molécula de quitosana pode atrair de 5 a 8g de gordura ingerida, e por tal ação estudos relacionam o uso de quitosana e a redução de peso corporal e de colesterol sérico. Esse suplemento é uma boa alternativa para momentos em que ocorre uma “fuga” da dieta, onde ocorre a ingestão de uma refeição mais rica em gorduras. A quitosana é uma substância não tóxica, porém não deve ser consumida por pessoas que sejam alérgicas a crustáceos e frutos do mar, pois de fato nessas pessoas a quitosana pode desencadear uma crise alérgica.

 

 

 

Lua Lua Rodrigues faz parte da equipe de Nutrição da SNC de Salvador. Ela é graduanda em Nutrição pela UNEB.

Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail   nutricao@sncsalvador.com.br

Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.

Curta a nossa página no Facebook e não perca nenhuma notícia e/ou promoção.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *