Colágeno Hidrolisado e a saúde da pele


ColagenoO colágeno é a proteína mais abundante no organismo animal representando cerca de 25% de toda proteína corporal (ZIEGLER & SEGARBIERI, 2009), com mais de 20 isoformas, sendo o tipo I predominante. É formado pelos aminoácidos glicina, alanina, prolina e hidroxiprolina, constituindo cadeias peptídicas formando o tropocolágeno, sendo que vários destes unem-se formando o colágeno, dispondo-se em forma de fibrilas que se entrelaçam formando ligações covalentes cruzadas, constituindo uma fibra colágeno. Os tipos de colágeno se diferenciam pelo perfil de aminoácidos nos domínios de cada molécula e nos arranjos estruturais.

O colágeno é mais presente durante a infância, tendo sua produção diminuída na puberdade, estabilizando-se por volta dos 20-30 anos. As principais células da derme, denominadas fibroblastos, sintetizam o colágeno e a elastina e é a degradação destes dois produtos dos fibroblastos, por meio da exposição excessiva ao sol e fatores extrínsecos, que acaba provocando rugas e perda de elasticidade da pele.

O envelhecimento também é um fator que preocupa a maior parte das pessoas, devido às alterações fisiológicas que este traz. À medida que o indivíduo envelhece, a pele perde uma de suas grandes propriedades: a elasticidade. Associado a isto, também ocorre perda de colágeno e reduz sua hidratação, tornando-se seca por menor capacidade funcional das glândulas sudoríparas e sebáceas. Por isso, além de se ter cuidados com o corpo, saúde e bem estar, algo que vem preocupando muito a população é o cuidado com a pele, principalmente para mantê-la jovem por muito mais tempo, retardando, ao máximo, as marcas do envelhecimento.

Pesquisas têm mostrado a importância do colágeno e seus derivados na manutenção e reconstituição da pele, ossos, tecidos cartilaginosos e matriz extracelular.

 Na síntese de colágeno o ácido ascórbico atua como cofator essencial na hidroxilação de duas enzimas, a lisil e a prolil hidroxilases, formadoras das fibras colágenas. O acido ascórbico, dentre suas varias funções, aumenta a firmeza e elasticidade através formação das fibras colágenas existentes em praticamente todos os tecidos do corpo humano, principalmente na derme. A vitamina C também regula a síntese de colágeno tipo I e III, pelos fibroblastos dérmicos humanos. Portanto, para uma adequada síntese de colágeno é necessário um sinergismo entre a vitamina C e a ingestão adequada de proteínas para o fornecimento dos aminoácidos que o constituem.

Portanto para uma pele saudável, deve-se ter uma alimentação correta e balanceada, o que traz benefícios ao corpo como um todo além do equilíbrio na alimentação.

 

Ana Claudia faz parte da equipe de Nutrição da SNC de Salvador. Ela é graduanda em Nutrição pela São Salvador.

Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail    nutricao@sncsalvador.com.br  .

Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.

Curta a nossa página no Facebook e não perca nenhuma notícia e/ou promoção

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *