Sem categoria

Whey e apetite, qual a relação?

imageA proteína do soro do leite, mais conhecida como whey protein é bem utilizada para reconstrução muscular e estímulo à síntese proteica, mas esta apresenta outros benefícios e dentre estes a redução do apetite é um deles.Para regulação do apetite não só aumentar o gasto de energia é importante, diminuir o consumo de energia também é uma forma de influenciar osmecanismos de controle do apetite.

Alguns hormônios estão envolvidos com o controle do apetite, dentre eles o Peptídeo Semelhante ao Glucagon1 (GLP-1), que apresenta alguns benefícios como aumento da secreção de insulina e redução da glicemia pósprandialaumento da síntese de pró-insulina e da diferenciação e proliferaçãodas células beta pancreáticas e também redução da apoptose destas células. Mas destes benefícios o que nos interessa agora é o retardamento do esvaziamento gástrico levando à redução do apetite, aumento da saciedade e contribuindo assim para a perda de peso, e a whey protein através dos peptídeos bioativos aumentam a meia vida da GLP-1, e a proteína do soro doleite também atua reduzindo a atividade da Dipeptidil Peptidase 4 (DPP 4) que é a principal enzima responsável pela rápida degradação das incretinas, portanto prolonga a ação da GLP-1. Além deste hormônio outro relevante parao aumento da saciedade é a Colecistoquinina (CCK), e a whey aumenta as concentrações desta no plasma em 15-20 minutos após a refeição e permanece acima dos níveis basais por mais de 3 horas. Outro hormônio bastante conhecido é a grelina, este é o único orexígeno presente no intestino, a alimentação per si já diminui a concentração deste hormônio, mas as fontes proteicas diminuem mais ainda, e a whey em alguns estudos mostrou reduzir mais a grelina em jejum quando comparada com outras fontes proteicas.

escolha do tipo de proteína vai ser importante para a regulação do apetite, as proteínas têm características únicas relacionadas com a sua origem, o conteúdo de aminoácidos, e a cinética de absorção, portanto proteínas de diferentes fontes têm diversos efeitos metabólicos, e diferentes fontes de proteínas diferem na sua capacidade de saciedade. A whey, por exemplo,mostram que tem capacidade de saciedade em curto prazo, enquanto que a caseína tem em longo prazo e esta diferença ocorre por diferença na cinética de absorção e perfil de aminoácidosClaro que para perda de peso outros parâmetros devem ser levados em consideração, mas a influência da proteína do soro do leite na saciedade já é bastante documentada nos estudos. Para adequar as suas necessidades, procure um nutricionista.

 

Naia Ferreira faz parte da equipe de nutrição da SNC Salvador

Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail          nutricao@sncsalvador.com.br     .

Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.

Curta a nossa página no Facebook e não perca nenhuma notícia e/ou promoção

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.