Sem categoria

Suplementação para estética

A nutrição estética trabalha com o objetivo de tornar-se vista a saúde, cuidando de dentro para fora, melhorando assim, a auto estima não só das mulheres, mas de toda uma população. Uma desordem estética está ligada e entrelaçada com o funcionamento de todo o organismo, por isso, é importante sempre estar atento a algumas alterações que acontecem em nosso corpo.
No envelhecimento, a pele desgastada reflete os efeitos da idade. Fatores como, excesso de radiação ultravioleta, consumo de álcool e poluição ambiental estão envolvidos no processo de um envelhecimento precoce. Lembrando que a genética e o estilo de vida também influenciam essa fisiologia. Com o passar dos anos é normal as camadas da pele ficarem mais finas e com  menor proteção. Isso acontece porque a produção de queratina, melanina, colágeno e elastina diminuem ao longo da vida.
Estudos mostram que uma suplementação com colágeno melhora a pele, retarda a flacidez e diminui a profundidade da mesma. A vitamina C iria estimular a síntese de colágeno, além de melhorar a distribuição da melanina, amenizando manchas na pele. O licopeno, da família dos carotenóides, tem ação protetora contra os danos causados pelos raios ultravioletas. As vitaminas do complexo B proporcionam hidratação. O efeito anti-inflamatório da coenzima Q10 e a ação regeneradora e reestruturante do silício orgânico também são benéficos à pele. Já a condroitina e glucosamina, conhecidos como suplementos para as articulações, funcionam ainda inibindo as enzimas que destroem o colágeno, com efeitos anti-inflamatórios e antioxidantes.
A acne é uma afecção crônica de caráter universal, multifatorial, inflamatória ou não. Genética, uso errado de cosméticos, meio ambiente, estresse e alimentação podem influenciar no aparecimento das espinhas. Em relação à etiopatogenia, existem quatro diferentes fatores implicados ao aparecimento da acne: Hiperqueratinização folicular, hiperprodução de sebo glandular, colonização bacteriana folicular e liberação de mediadores da inflamação no folículo e derme adjacente. Existe uma maior incidência nos homens, por causa da di-hidrotestosterona (DHT), um metabólico biologicamente ativo da testosterona, que possui efeito indireto sobre a inflamação.
O uso de Omega 3 ajuda no controle da acne, com seu efeito na diminuição das concentrações plasmáticas de citocinas pró-inflamatórias. Nutrientes anti-inflamatórios e antioxidantes como o zinco, selênio, vitaminas A, E, e complexo B, também são benéficos para uma homogeneidade da pele.
Lipodistrofia Ginóide, este é o verdadeiro nome da tão famosa celulite. Relacionada ao hormônio estrógeno, sendo por isso evidenciada em maior proporção nas mulheres, a celulite está presente em oito a cada dez mulheres brasileiras. Quando as células de gordura se acumulam, empurram a pele e os cordões fibrosos do tecido conjuntivo repuxam essa região, formando os populares “furinhos”.
Os antioxidantes, como a coenzima Q10, vitamina E e C, zinco e selênio, por exemplo, funcionam reduzindo a formação de radicais livres, melhorando, também, as irregularidades dessa região. Permitem um melhor fluxo de nutrientes, com o descongestionamento das toxinas. O colágeno, igualmente positivo, ajuda na elasticidade e resistência da pele.
Já a estética relacionada a cabelos e unhas explica que os cabelos são fibras naturais, que proporcionam proteção para o couro cabeludo. Constituídos de proteínas, água, lipídios e elementos naturais, como o cálcio, magnésio e zinco. E as unhas, tecidos mortos, com função de proteção e defesa, produzidas por glândulas em sua base que secretam grossas camadas de queratina. Idade e genética também influenciam nas características tanto dos cabelos, quanto das unhas. Além da inflamação, a DHT apresenta consequências na queda de cabelo, por esse motivo a calvície está mais presente nos homens. Para fortalecer, ajudar no crescimento e na proteção das unhas e cabelos, suplementos como vitaminas do complexo B, vitaminas A, C e E, selênio, zinco e cistina são bastante indicados.
É importante frisar que para melhores resultados é sempre aconselhável praticar exercícios físicos, ter uma dieta balanceada e sempre que possível buscar ajuda de profissionais capacitados.

Este texto foi escrito por Raquel Coelho
Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail nutricao@sncsalvador.com.br
 
Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.
 
Acompanhe-nos nas redes sociais e não perca nenhuma notícia e/ou promoção (busque por sncsalvador)”

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.