Sem categoria

Suplementação para jogadores de futebol.

O futebol, esporte mais praticado em todo o mundo, teve seu grande momento de associação com a tecnologia em 2014 junto à Copa do Mundo, onde cada jogador pode ser tratado por suas seleções de forma individual e mais especifica. É caracterizado como um esporte de caráter intermitente e de intensidade variável, onde os jogadores não param em um só momento durante os tempos do jogo percorrendo as distâncias seja andando ou correndo. Dessa forma, cada posição tática dentro de campo tem sua característica específica, fazendo com que cada jogador tenha um perfil adequado para um melhor aproveitamento do seu rendimento durante o jogo. Durante um dia de treinamento, o consumo calórico de um jogador profissional chega a uma média de 4000 kcal, ressaltando assim, a importância da ingestão de macro e micronutrientes para uma adequada apresentação em campo. A ingestão principalmente de carboidratos para controlar os níveis de glicogênio muscular, que é considerado um limitador da duração e intensidade do exercício, é essencial. É necessário que os jogadores entrem em campo com 100% dos seus estoques para que o trabalho durante o jogo ocorra de forma adequada e o rendimento não decaia. É de suma importância também, durante o jogo, a ingestão de bebidas energéticas de forma a fornecer nutrientes e calorias aos jogadores retardando assim a queda nos níveis de glicogênio e, consequentemente, do rendimento. Essas bebidas também adicionadas de eletrólitos, permitem que os jogadores reponham um componente importantíssimo para o seu rendimento: a água. Estudos mostram que a partir de 2% de perda de massa corporal por desidratação provocaria nesses esportistas uma queda no rendimento da partida. Para reposição ao final do jogo, o consumo de água deve ser em média de 1,5L/kg perdido durante o jogo. Estudos que examinam os efeitos de bebidas para reposição em atletas de futebol observam uma menor perda de massa corporal e melhor recuperação ao final dos jogos. Um outro suplemento que pode ajudar bastante os jogadores de futebol é a creatina. Com o seu efeito potencial de armazenador de energia e importante ressintetizador de ATP, em momentos de explosão durante a partida, o metabolismo de fosfocreatina é de suma importância no atleta. A suplementação, aumentaria os estoques de fosfocreatina consequentemente melhorando o rendimento nos momentos de intensas atividades realizadas em curto prazo. Vale ressaltar a importância da alimentação nos atletas de modo que a suplementação entra em momentos específicos otimizando o dia-a-dia e mais ainda melhorando o rendimento dos jogadores. Tratar cada jogador de forma individualizada acompanhando suas necessidades é ainda mais importante estimulando um melhor resultado em campo e fora dele.

Este texto foi escrito por Felipe Carpintero
Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail nutricao@sncsalvador.com.br
Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor. Acompanhe-nos nas redes sociais e não perca nenhuma notícia e/ou promoção (busque por sncsalvador)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.