Sem categoria

Uso combinado de pré-treinos e termogênicos

A utilização de suplementação tem crescido entre os atletas amadores e profissionais, sendo o período anterior ao exercício, uma das janelas mais populares para suplementação. Para este momento, o pré treino e termogênico são um dos suplementos mais utilizados por praticantes de atividade física.
Com o crescente uso destes suplementos questiona-se se a utilização de ambos combinados é eficaz e segura para saúde do indivíduo. Para isso, primeiramente vamos entender o que são pré treinos e termogênicos.
Pré- treino é um suplemento que contêm vários ingredientes que pretendem fornecer benefícios ergogênicos, utilizado antes do treino com o objetivo de melhoria da força, foco e adaptações ao treinamento aprimorado. Em sua composição há a combinação de cafeína com outras substâncias como a beta-alanina, cafeína, taurina, BCAAs.
A cafeína é um dos ingredientes mais comuns encontrados em um pré- treino e é um estimulante moderado que afeta o sistema nervoso central e tem o potencial de influenciar o desempenho neuromuscular humano, diminuindo fadiga muscular, percepção de dor, proporcionando maior foco e atenção. De acordo com a International Society of Sports Nutrition’s, a cafeína no desempenho, é mais eficaz quando consumido em doses baixas a moderada (3-6 mg por quilo de peso corporal, 30-60 minutos antes do exercício).
A taurina é um composto final do metabolismo dos aminoácidos metionina e cisteína que tem como uma de suas funções regular ao transporte e ligação do cálcio, consequentemente, melhorando a sincronia da contração muscular. Outro ingrediente muito comum neste suplemento é a beta alanina, um precursor da carnosina substância que irá tamponar a acidez, diminuindo a fadiga muscular. A creatina tem seu efeito ergogênico conhecido por elevar a força e melhorar a composição corporal na maioria dos indivíduos quando combinada com exercício devido a sua habilidade de repor estoques de ATP rapidamente. Os BCAAs (Aminoácidos de cadeia ramificada) são oxidados facilmente no músculo esquelético e utilizados como substrato energético e assim propiciando efeito anticabólico, além de atuar diminuindo fadiga e lesão muscular. A arginina e citrulina são aminoácidos e substratos para formação de óxido nítrico, indutor da vasodilatação.
Já os termogênicos sugiram no mercado como alternativa para auxiliar a perda de peso por meio do aumento da termogênese corporal, além de oferecer um afeito estimulante. Em sua composição geralmente apresentam: cafeína, catequinas, capscaicina, tirosina, sinefrina.
A cafeína já citada, atua estimulando a elevação de AMPc (adenosina mono-fosfato cíclico, sinalizador intracelular) que por conseguinte estimulará a enzima que quebra gordura (LHS- lipase hormônio sensível.). As catequinas encontradas no chá verde inibem uma enzima responsável por degradar noradrenlina, proporcionando ainda mais aumento de AMPc.
A suplementação com tirosina (aminoácido) pode aumentar a síntese de noradrenalina, o que aumenta o gasto energético e supressão da fome. A capscaicina é o princípio ativo da pimenta e também é responsável por aumentar a liberação de noradrenalina. Já a sinefrina é o princípio ativo da laranja amarga e apresenta uma atividade lipolítica e termogênica.
O uso combinado de pré treinos e termogênicos é algo comum entre os praticantes de atividade física, contudo, não existem evidências da segurança da utilização desta combinação de suplementos para saúde do indivíduo. Apesar disso, algumas considerações podem ser feitas a respeito do uso desta combinação. Uma das grandes preocupações da utilização de pré- treinos combinados a termogênicos é a quantidade de cafeína que será ingerida, visto que ambos suplementos apresentam está substância.
A ingestão de cafeína em doses muito elevadas, superiores a 500-600 mg, pode causar ansiedade, tremor e taquicardia e o nível tóxico agudo de cafeína não está bem estabelecida, porém para os adultos é de aproximadamente 10 g / dia (A combinação de alguns pré-treinos e termogênicos pode chegar a mais de 800 mg de cafeína). Contudo, deve se considerar que os conceitos de doses tóxicas e letais em seres humanos são relativos, pois, doses abaixo do tóxico e ou letal podem causar intoxicação ou morte a depender de determinadas condições como : interações com outras substâncias que potencializam a ação da cafeína; indivíduos com condições ou doenças pré-existentes que podem potenciar mecanismos de ação cafeína”; diferente “sensibilidade” para os efeitos da cafeína no indivíduos. Além disso elevadas doses de cafeína elevam consideravelmente o hormônio cortisol, hormônio extremamente catabólico.
Assim a combinação de termogênicos e pré treinos deve ser utilizada com cautela, verificando-se a quantidade de cafeína em ambos além de outros fatores como sensibilidade a cafeína, e sinergia desta substância com outros presentes tanto nos pré treinos como termogênicos, evitando-se altas dosagens e possíveis efeitos indesejáveis e riscos à saúde.

“Este texto foi escrito por Jaqueline Almeida

Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail nutricao@sncsalvador.com.br

Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.

Acompanhe-nos nas redes sociais e não perca nenhuma notícia e/ou promoção (busque por sncsalvador)”

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.