Sem categoria

Estímulos hipertróficos hormonais

A hipertrofia muscular é o aumento da área da fibra muscular decorrente do balanço positivo na razão síntese/ degradação proteica, ou seja, a síntese proteica tem que ser maior que a degradação permitindo um balanço positivo para que haja crescimento muscular.
Atualmente a imagem corporal musculosa tem sido alvo de desejo por muitas pessoas e para ocorrer a hipertrofia muscular, é necessário que hajam estímulos hormonais desencadeados especificamente pelos hormônios insulina, IGF-1 (Fator semelhante a insulina), testosterona dentre outros fatores como exercício físico de resistência e alguns aminoácidos como a leucina.
A insulina é o mais conhecido hormônio anabólico, além de ser essencial para regulação da glicose, crescimento e diferenciação celular. A elevação dos níveis circulantes de glicose e aminoácidos, estimulam as células beta- pancreáticas a secretarem insulina está por sua vez atua elevando a captação de glicose pelas células do tecido adiposo e muscular e reduz a produção hepática de glicose. Além disso, atua estimulando a lipogênese no fígado e adipócitos, inibe a lipólise e a degradação proteica, elevando a síntese de proteína.
A sinalização intracelular de insulina se inicia após sua ligação ao seu receptor específico de membrana (IRS), receptor pelo qual o IGF-1 (produzido a partir do hormônio do crescimento) também se liga, desencadeando a auto fosforilação seguida da fosforilação de diversos substratos proteicos criando sítios de reconhecimento para moléculas como o PI3K (fosfoinositol 3 quinase). Está enzima quando ativada desencadeia a fosforilação de outras enzimas que por sua vez ativam mTOR ( enzima responsável por controlar o crescimento muscular), permitindo assim a produção de proteínas musculares. Assim, a insulina e o IGF-1 se encaixam no seu receptor IRS, promovendo auto fosforilação e fosforilação de outras enzimas que por sua vez ativam mTOR, que é a chave para o início de transcrição da síntese proteica.
Outro potente hormônio anabólico é a testosterona, um androgênico produzido nos testículos a partir do colesterol. Os mecanismos pelos quais a testosterona atuaria estimulando hipertrofia muscular ainda não são bem elucidados, mas sabe-se que há participação da via PI3-K / mTOR. Além disso, a testosterona atuaria estimulando a diferenciação e proliferação de células satélites. Estas, normalmente se dividem na presença de lesões musculares como as ocasionadas pelo exercício e após a sua diferenciação se fundem a fibra muscular lesionada reparando e estimulando o crescimento muscular.
Devido a essa ação anabólica, a testosterona apresenta uma popularidade entre os usuários de drogas anabolizantes, que apesar de elevar a massa magra rapidamente, diminuir a gordura corporal, apresenta diversos efeitos colaterais. De acordo com relato de casos, essas drogas têm sido relatadas para ocasionar danos hepáticos tanto na estrutura como na função, alterações cardiovasculares, no sistema reprodutivo e alterações no comportamento.
Além dos nutrientes e exercício físico, estímulos hormonais como da insulina, IGF-1 e testosterona apresentam-se de forma muito potente para induzir a hipertrofia muscular, porém o uso desses hormônios sem que haja recomendação médica não é indicado, pois apresenta inúmeros efeitos colaterais.
“Este texto foi escrito por Jaqueline Barreto

Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail nutricao@sncsalvador.com.br

Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.

Acompanhe-nos nas redes sociais e não perca nenhuma notícia e/ou promoção (busque por sncsalvador)

2 comentário

Augusto m f junior 5 de março de 2016 at 17:05

Como é q faço p compra esse estimulante hipetrofico

Responder
Lara Cerqueira 8 de março de 2016 at 14:23

Olá, Augusto.
Não comercializamos hormônios em nosso estabelecimento, no entanto, temos estratégias suplementares que podem auxiliar na regulação dos hormônios mencionados no texto.

Estamos a disposição para maiores esclarecimentos.

Responder

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.