Suplementação para lutadores de Jiu Jitsu

Atualmente já são bem conhecidos, suplementos e estratégias para praticantes de musculação ou atividades aeróbicas contínuas, como algumas modalidades de corridas, ciclismo, caminhadas, atividades onde o exercício é feito de maneira linear. Mas e quanto aos lutadores? Como exemplo, praticantes de Jiu Jitsu, onde o exercício não ocorre de maneira linear ? Variando entre os picos de alta e baixa intensidade ( momentos de ataque\defesa e estudo do oponente, respectivamente. Qual seria a suplementação mais indicada para estes casos?

Primeiramente o Jiu Jitsu é considerado uma das primeiras artes marciais praticadas no mundo, o nome dado a esta modalidade esportiva significa “caminho suave das mãos”, é considerado uma das primeiras artes marciais a ser desenvolvida como forma de autodefesa, sendo considerada mãe de todas as outras.
Um esporte de combate, em que tem como objetivo  a rendição do adversário através da aplicação de estrangulamento ou deslocamentos comuns. Se não resultar na finalização do oponente, o jogo é decidido por pontuação específica, e no caso de empate, o vencedor é decidido por arbitragem.

Caracterizada por esforços intermitentes de alta intensidade e de baixos períodos de intensidade,  partidas com duração de até 10 minutos, o esporte é predominantemente aeróbio com moderada ativação de vias de energia glicolíticas. A interação do desempenho aeróbio e anaeróbio são fatores do esporte e apresenta um desafio para força e condicionamento dos praticantes.

Para desenvolver uma prescrição eficaz, é indispensável compreender as características e exigências do esporte. Por ser um esporte de combate, não é possível quantificar diretamente o trabalho mecânico realizado. Diante dessa realidade, é necessário medir as variáveis fisiológicas consideradas relevantes para a modalidade e dependem de marcadores indiretos de esforço.

Visando todo este contexto podemos considerar algumas suplementações que podem ser aplicadas a este tipo de esporte, e que já se tem estudos voltados para este tipo de publico, mostrando suas eficacias. Como por exemplo o estudo de Paiva e colaboradores (2015), que comparou a utilização de waxy maize com um placebo antes de um treino de Jiu Jitsu, e os resultados mostraram que a suplementação de 30 gramas waxy maize 10 minutos pré-exercício diminuiu a percepção de esforço dos lutadores de Jiu Jitsu.

Outros suplementos como creatina para aumentar a explosão muscular, que é necessária nos momentos de aplicar o golpe são bem interessantes para este contexto, assim como a utilização de cafeina para diminuição da percepção de cansaço durante os treinamentos ou até mesmo no momento da competição. A beta alanina pode ser utilizada também para este publico, diminuindo a fadiga muscular visto que os treinamentos são longos, um estudo de Silva e colaboradores ( 2013) mostrou que ocorre aumento significativo de lactato já após a primeira luta, lembrando que tanto nos treinos como na competição o atleta não faz apenas uma luta.

Por fim, o mais importante é analisar o condicionamento do atleta ou praticante, assim como a sua periodização no momento, para assim utilizar os melhores suplementos voltado para aquela individualidade, e neste caso, um profissional capacitado é o melhor para analisar e aplicar a conduta necessária.

 

Este texto foi escrito por Dilson Araujo, baseado em artigos científicos. Todo material utilizado pode ser disponibilizado quando requerido.
Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail nutricao@sncsalvador.com.br
Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor.
Acompanhe-nos nas redes sociais e não perca nenhuma notícia e/ou promoção (busque por sncsalvador).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *