#maislife Health Nutritions

Refeições coloridas

Quem nunca ouviu a máxima: ‘’ Quanto mais colorido o prato, mais saudável ele é!’’?! Se eu pedir para você, leitor, imaginar um dia alegre de passeio, muito provavelmente a sua imaginação vai começar a desenhar coisas como um dia ensolarado de céu com nuvens branquinhas, mar azul, flores, pessoas se divertindo, praticando esportes, etc. Já imaginou quantas cores tem nesse passeio? E o quanto de alegria, harmonia e saúde essa imaginação parece inspirar? Pois é! As cores, de fato, falam muito sobre a vida e a sua qualidade e na alimentação isso não é diferente.

De fato, quanto mais cores colorem as suas refeições mais saudáveis elas ficam. Isso porque, as cores representam os nutrientes que estão presentes nos alimentos e cada um dos grupos desses nutrientes possuem cores que tingem determinados grupos de alimentos, transmitindo assim, suas cores características. Vamos conhecer alguns?

Uvas, ameixas, amoras, maçãs, morango, framboesa, tamarindo, repolho roxo são exemplos de alimentos ricos em pigmentos chamados de antocioninas, que mais do que lindos tons que variam do vermelho intenso ao roxo, conferem efeitos muito importantes para a saúde humana sendo aliada na prevenção/retardamento de doenças cardiovasculares, do câncer e doenças neurodegenerativas, devido ao seu poder antioxidante, atuando contra os radicais livres, apresentando propriedades farmacológicas sendo utilizadas para fins terapêuticos.

Gema do ovo, milho, abóbora, couve flor, entre outros alimentos contém como pigmentos a luteína e a zeaxantina que cumprem um papel super importante na proteção dos olhos. Estudos mostram que esses compostos atuariam como um filtro protegendo a mácula (uma região do olho) por reduzir a quantidade de luz de comprimento de onda curto e neutralizariam espécies reativas de oxigênio liberadas tanto por dano luminoso como pelo próprio metabolismo retiniano interno.

Os pigmentos flavanoides são considerados um dos maiores grupos de metabólitos das plantas e estão presentes em diversos alimentos, diariamente na dieta humana sendo considerados por especialistas da área da saúde como importantes protetores naturais do organismo contra vários efeitos adversos. Em estudos com animais, estes compostos demonstram ter ação terapêutica, aos sistemas imunológico, circulatório, cardiovascular e nervoso e estão nas frutas, como maçã, pêra e banana, nos chás, couve flor e até mesmo no vinho!

A partir disso fica fácil compreender que comer saudável não é difícil! O seu nutricionista pode adequar de forma mais assertiva e eficaz essas cores na sua dieta, procure sempre sua opinião e não esqueça: se vai colorido, vai bem! Saúde!

“Este texto foi escrito por Juliana de Andrade, baseado em artigos científicos. Todo material utilizado pode ser disponibilizado quando requerido. Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail nutricao@sncsalvador.com.br. Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor. Acompanhe-nos nas redes sociais e não perca nenhuma notícia e/ou promoção (busque por sncsalvador)”

Deixe um comentário