Sem categoria

ZMA e Libido

A busca por produtos que melhorem o desejo e desempenho sexual cada vez mais torna-se frequente entre os consumidores de suplementos alimentares. Fitoterápicos como tribulus terrestris e maca peruana por exemplo, são uns dos mais populares e proucurados.

Outro suplemento direcionado para este mesmo objetivo é o ZMA (zinco monometionina aspartato). Trata-se de um multivitamínico mineral com uma formulação patenteada composto por 30mg de aspartato/monometionina de zinco, 450mg de aspartato de magnésio e 10,5mg de vitamina B6.

E como ele ajuda na libido?

Existe um fator fisiológico que pode afetar a libido de ambos os gêneros: a redução dos níveis de testosterona. E os nutrientes presente no ZMA são chaves para que haja uma manutenção adequada destes níveis.

Zinco (Zn)

O zinco é um mineral necessário no processo de produção da testosterona e ainda reduz a aromatização deste hormônio (conversão de testosterona em estradiol). Além disso, vale ressaltar que a deficiência de zinco eleva os níveis de prolactina no organismo, o que resulta na diminuição da libido também.

Magnésio (Mg)

Já o magnésio possui uma grande afinidade com um dos transportadores da testosterona, o SHBG. Em média 2% da testosterona se encontra na sua forma livre, e só assim é possível que este hormônio exerça suas funções. Desta forma, o magnésio se liga ao SHBG e permite que a testosterona se torne mais biodisponível no corpo.

Piridoxina (B6)

A vitamina B6 consegue melhorar a absorção destes dois minerais, contudo, está envolvida no metabolismo de proteínas e aminoácidos. Possui participação em otimizar a produção de hormônios peptídeos como o GH e IGF-1.

É possível através da nutrição promover benefícios na libido do indivíduo, e o ZMA é uma suplementação que pode auxiliar como estratégia para isso. Para melhores resultados, uma dieta bem planejada é crucial, por isso, consulte seu nutricionista.

Este texto foi escrito por BRYAN STOLZE, integrante da equipe de nutrição da SNC Salvador, baseado em artigos científicos. Todo material utilizado pode ser disponibilizado quando requerido. Se você ficou com alguma dúvida entre em contato conosco pelo e-mail: nutricao@sncsalvador.com.br. Respeite nosso material intelectual. Sempre que usar nossos textos mencione o nome do autor e do site, por favor. Acompanhe-nos nas redes sociais e não perca nenhuma notícia e/ou promoção (busque por sncsalvador).”

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.